16º. dia sábado (12/02/2011)

Partimos de Santa Fé por volta das 10:00, o tempo estava bom o que prometia uma viagem tranqüila. Por volta das 14:00 paramos para almoçar num restaurante de beira de estrada bem rústico, bonito e espaçoso. Um detalhe que vale a pena destacar  é ref. aos péssimos atendimentos em bares/restaurantes/lojas na Argentina. Nós acostumados, principalmente em Itabaiana com um super atendimento em qualquer lugar nos decepcionamos muito. Teve até um caso de não ter ninguém na sorveteria (queríamos apenas 1 picolé) e ao entrarmos o vendedor disse: “Só posso lhe atender daqui a 20 minutos.” rs rs rs

Após a angústia mais uma vez de ser mal atendido, seguimos em frente já com bastante calor. Como sempre nas paradas, encontrávamos pessoas curiosas querendo ver as motos, tirar fotos e saber de onde somos e para onde vamos. Dessa vez, encontramos uma família de Buenos Aires(Casal com 4 filhos) que estavam indo para a Praia do Frances-AL, pois  decidiram deixar a cidade grande para vender artesanato no litoral Alagoano.  No inicio da noite, resolvemos adiantar um pouco mais a viagem afinal o céu estava limpo, lua crescente, uma bela noite para viajar. De repente, sem mais nem menos, caiu um toró inesperado (nem deu tempo colocar a capa de chuva). Após rodar aprox.  80 km embaixo de chuva (840 KM no total), encontramos um hotel na beira da estrada as 22:15. “Que sorte!” T+

Esta entrada foi publicada em Últimas Notícias. Adicione o link permanente aos seus favoritos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>